segunda-feira, 14 de maio de 2012

Momento Poético - momento patético, Novidade!

Agora além de postar meus contos e as atualizações sobre meus livros, também estou postando espécies de pequenos livros por aqui... Que tem continuações em capítulos, por enquanto temos A máquina, O mico de circo e a borboleta intrépida e o conto Hunter Ghost (ainda estou esperando pela votação da enquete ser concluída hehe) e agora além desses mini livros também iniciei uma pequena antologia chamada "Momento Poético" onde vou postar os poemas, poesias e coisinhas rimadas e malucas que crio por aí... já tenho dois postados e treze aguardando por seu momento de fama, mas é só aguardar que aos poucos as continuações de todos os mini livros vão sendo postadas... =D

Momento Poético - Política


"Título eu tenho
não sei exercer
só ergo o cenho
nada quero fazer"

Momento Poético - O jovem

O jovem poeta
armado está
munido de palavras
pronto a atirar

Rimas pobres
ricas
raras
fantásticas

Rimas simples
belas
ativas
estáticas

O jovem poeta foi atingido
o poema de guerra foi corrompido
desvalido
falecido...

Sem nome, perdeu sua fé
uniu-se ao povo, esqueceu da poesia
tornou-se mais um, como foi, como é
o mundo do jovem perdeu a alegria

O jovem pateta
desarmado está
sem fé, sem amor
sem forças pra lutar

(Parceria com Felipe Guimarães de Aquino, vulgo Bob)

Ocorreu um erro neste gadget
Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Powerade Coupons